Embrapa Amazônia Oriental
Sistemas de Produção, 4 - 2ª Edição
ISSN 1809-4325 Versão Eletrônica
Dez./2006
Sistema de Produção do Açaí
Kelly de Oliveira Cohen
Sumário
Início

Apresentação
Introdução e importância econômica
Composição química do açaí
Ambiente edafo climático
Cultivar e produção de mudas
Cultivo de açaizeiro em terra firme
Cultivo de açaizeiro em várzea
Manejo de açaizais nativos
Pragas e métodos de controle
Nocões básicas para o uso de agrotóxicos
Colheita e pós colheita
Processamento embalagem e conservação
Mercado e comercialização
Coeficientes técnicos, custos, rendimentos e rentabilidade
Referências
Glossário
Autores
Expediente
  Composição química do açaí
 

O açaí é considerado alimento de alto valor calórico, com elevado percentual de lipídeos, e nutricional, pois é rico em proteínas e minerais. Nas áreas de exploração extrativa, o açaí representa a principal base alimentar da população, notadamente dos ribeirinhos da região do estuário do Rio Amazonas. A composição química e o valor nutricional do açaí são discriminados na Tabela 1.

Tabela 1. Composição química e valor nutricional do açaí.

Composição

Unidade

Quantidade na matéria seca

pH

Matéria seca

Proteínas

Lipídios totais

Açúcares totais

Açúcares redutores

Frutose

Glicose

Sacarose

Fibras Brutas

Energia

Cinzas

Sódio

Potássio

Cálcio

Magnésio

Ferro

Cobre

Zinco

Fósforo

Vitamina B1

α-Tocoferol (vitamina E)

-

%

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

g/100 g(1)

Kcal/100g

g/100 g(1)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

mg/100 g(2)

5,80

15,00

13,00

48,00

1,50

1,50

0,00

1,50

0,00

34,00

66,30

3,50

56,40

932,00

286,00

174,00

1,50

1,70

7,00

124,00

0,25

45,00

(1)Matéria seca; (2)Cálculo por diferença.
Fonte: Rogez (2000).

O óleo extraído do açaí é composto de ácidos graxos de boa qualidade, com 60% de monoinsaturados e 13% de poliinsaturados. Com relação às proteínas, possui teor superior ao do leite (3,50%) e do ovo (12,49%), enquanto o perfil em aminoácidos é semelhante ao do ovo.

O açaí possui elevado teor de antocianinas, contendo cerca de 1,02 /100 g de extrato seco. As antocianinas são pigmentos naturais, pertencentes à família dos flavonóides, sendo estes responsáveis pela cor do açaí. Além disto, possuem função antioxidante, que assegura melhor circulação sanguínea e protegem o organismo contra o acúmulo de placas de depósito de lipídeos, causadores da arteriosclerose.

O consumo diário de um litro de açaí do tipo médio, com 12,5% de matéria seca, contém 65,8 g de lipídios, o que corresponde a 66% da ingestão diária requerida; 31,5 g de fibras alimentares totais, o que equivale a 90% das recomendações diárias e 12,6 g de proteínas, o que corresponde de 25% a 30% da quantidade nutricional diária necessária. O açaí é rico em minerais, principalmente potássio e cálcio e, dentre as vitaminas, pode ser destacada a vitamina E, um antioxidante natural que atua na eliminação dos radicais livres.

 
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610.

seta