Embrapa Suínos e Aves
Sistemas de Produção, 3
ISSN 1678-8850 Versão Eletrônica
Nov/2007
Recomendações técnicas para a produção, abate, processamento e comercialização de frangos de corte coloniais
Elsio Antonio Pereira de Figueiredo
Gilberto Silber Schmidt
Valdir Silveira de Avila
Fátima Regina Ferreira Jaenisch
Doralice Pedroso de Paiva

Sumário

Apresentação
Introdução
Importância econômica
Aspectos agro e zooecológicos
Raças, características e exigências ecológicas (genética)
Instalações
Alimentação
Manejo
Cuidados sanitários
Preparo para o mercado
Mercado e comercialização
Coeficientes técnicos, custos, rendimento e rentabilidade
Referências
Glossário

Expediente

Raças, características e exigências ecológicas (genética)

Normalmente se consegue produzir o tipo de frangos recomendados para criação colonial pelo cruzamento entre raças de galinhas de corte e dupla aptidão. Aves com essa constituição genética apresentam crescimento mais lento, carne mais consistente, com menos gordura, do que os frangos industriais. Atualmente no mercado brasileiro existem várias linhagens comerciais de frangos caipiras ou coloniais. A Embrapa Suínos e Aves, por exemplo, comercializa para todo o mercado nacional a linhagem Embrapa 041, que atende estas exigências da norma. O desempenho de campo esperado para lotes de frangos Embrapa 041, criados em regime semi-confinados, com acesso à pastagens após os 28 dias de idade, é mostrado na Tabela 1.

Para o fornecimento regular dos pintos da linhagem escolhida é necessário estabelecer contatos prévios com futuros fornecedores, sendo o incubatório um ponto importante para a logística da atividade. Certamente dependendo da região em questão, ter-se-á maior ou menor facilidade para encontrar fornecedores idôneos, que comercializem aves vacinadas. Como recomendação, será prudente então dirigir-se às associações de criadores estaduais/nacionais, ou aos grupos de criadores para obter informações sobre representantes regionais.

A distância e o volume de aves encomendadas a serem transportadas influenciam no custo, portanto, seria prudente associar-se à outros produtores interessados para formar um lote maior, reduzindo este custo inicial.

Como os pintos representam um custo elevado, é recomendável assegurar-se que o incubatório ofereça garantias quanto à sanidade e suporte técnico.

Tabela 1. Desempenho esperado para lotes de frangos de corte coloniais semiconfinados

Idade dias

Peso vivo g

Ganho Semanal g

Consumo de ração g

Conversão alimentar

Viabilidade %

Semanal

Acumulado

Semanal

Acumulado

7

105

65

91

91

1,400

1,400

99,5

14

220

115

252

343

2,191

1,559

99,0

21

375

155

364

707

2,348

1,885

98,5

28

555

180

469

1176

2,606

2,119

98,0

35 755 200 560 1736 2,800 2,299 97,5
42 965 210 630 2366 3,000 2,452 97,0
49 1185 220 686 3052 3,118 2,576 96,5
56 1410 225 735 3787 3,267 2,686 96,0
63 1630 220 784 4571 3,564 2,804 95,5
70 1845 215 805 5376 3,744 2,914 95,0
77 2055 210 826 6202 3,933 3,018 94,5
84 2255 200 840 7042 4,200 3,123 94,0
91 2445 190 847 7889 4,458 3,227 93,5
Fonte: Manual da linhagem (Embrapa, 2001).
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610.
Topo da página