Embrapa Florestas
Sistemas de Produção, 1
ISSN 1678-8281 Versão Eletrônica
Nov./2005
Cultivo da Erva-Mate

Moacir José Sales Medrado
José Alfredo Sturion

Início

Apresentação
Importância socioeconômica e ambiental
Distribuição geográfica
Clima
Solos
Colheita e beneficiamento de sementes
Produção de sementes
Produção de mudas
Implantação
Adubação
Cobertura do solo
Controle de plantas daninhas
Condução e podas
Doenças
Pragas
Sistema agroflorestal
Adensamento e conversão
Interplantio
Processamento
Recuperação de ervais degradados
Rendimento e rentabilidade
Cronograma operacional
Referências
Glossário


Expediente
Autores

Colheita e Beneficiamento de Sementes


A coleta dos frutos feita no período de janeiro a março e deve ser realizada, em matrizes com mais de seis anos e selecionadas por apresentarem-se sadias e com poucos frutos e muita folha. O momento ideal para a coleta é quando os frutos estiverem com a cor violeta.


Após a coleta, os frutos devem sofrer beneficiamento e as sementes serem submetidas a armazenamento, estratificação ou ao processo de germinação, de imediato.

As sementes de erva-mate apresentam uma dormência bastante complexa. Resultados de trabalhos científicos têm mostrado que grande parte das sementes colhidas não germinam em função de não terem seu embrião totalmente desenvolvido. Adicionalmente, sementes de erva-mate se tratadas com fungicida, antes de serem postas a germinar, diminuem sensivelmente a germinação fazendo crer que o fungicida ao matar fungos lignocelulolíticos que destróem o envoltório da semente dificulta a emergência do embrião. Assim, as sementes de erva-mate quando postas a germinar logo após a coleta e beneficiamento dos frutos germinam desuniformemente. A germinação é uniformizada, somente, quando as sementes são submetidas a um processo de estratificação em areia definido pela Embrapa Florestas.

O processo de estratificação, por uniformizar a germinação das sementes é apropriado para viveiristas que não tem problemas com disponibilidade de mão-de-obra. Ao contrário, aqueles com pouca disponibilidade preferem a semeadura direta que por promover a germinação em fluxos possibilita um melhor aproveitamento da mão-de-obra disponível ao longo do tempo.

 

Todos os direitos reservados, conforme Lei nº 9.610

Topo da Página