Embrapa Embrapa Uva e Vinho
Sistema de Produção, 11
ISSN 1678-8761 Versão Eletrônica
Dez./2005
Sistema de Produção de Uva de Mesa do Norte de Minas Gerais
Autores
Referências

GROW, 1999. World Crop Protect News, Mrch 26, 1999 and April 16, 1999. In Pesticide Action Network Updates May 8, 1999.

ALLEN R. G.; PEREIRA, L.; RAES, D.; SMITH, M. Crop evapotranspiration: guidelines for computing crop water requirements. Rome: FAO, 1998. (FAO: Irrigation and Drainage Paper, 56).

AMORIM, L.; KUNIYUKI, H. Doenças da videira. In: KIMATI, H.; AMORIM, L.; BERGAMIN FILHO, A.; CAMARGO, L.E.A., REZENDE, J.A.M. (eds.) Manual de fitopatologia: doenças das plantas cultivadas. 3.ed. São Paulo: Agronômica Ceres, 1997. v.2. p. 736-757.

BERNARDO, S. Manual de irrigação. Viçosa: UFV, 1995. 657p.

BOLIANI, A.C.; CORRÊA, L.S. Cultura de uvas de mesa do plantio à comercialização. 2001. 328p.

BOTTON, M.; HICKEL, E. R.; SORIA, S. de J. Pragas. p. 82-107. In: FAJARDO, T. V. M. (Ed.). Uvas para processamento: fitossanidade. Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2003. 131 p. (Embrapa. Frutas do Brasil, 35).

BRALTS, V.F.; EDWARDS, D.M.; WU, I.P. Drip irrigation design and evaluation based on the statistical uniformity concept. Advances in Irrigation, v.4, p.67-117, 1987.

CHAIM, A.; PESSOA, M. C. . Y.; FERRACINI V. L. Eficiência de deposição de pulverização em videira, comparando bicos e pulverizadores. Pesticidas: Revista de Ecotoxicologia e Meio Ambiente. Curitiba: v.14, p.39 - 46, 2004.

CHOUDHURY, M.M. Uva de Mesa: pós-colheita. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2001. 55p. (Frutas do Brasil, 12).

CHRISTOFOLETTI, J. C. Considerações sobre deriva na pulverização. Boletim Técnico BT-04/99 - TeeJet South América, 1999. 15p.

CONCEIÇÃO, M.A.F. Irrigação da videira em regiões tropicais do Brasil. Bento Gonçalves: Embrapa Uva e Vinho, 2003a. 14p. (Embrapa Uva e Vinho. Circular Técnica, 43).

CONSOLARO, M.; ALVES, S.B. Estudo da biologia de Heilipodus naevulus Mann., 1836. Ecossistema, v.3, n.3, p.72, 1978.

DAL BÓ, M.A.; CRESTANI, O. Controle de margarodes: tratamento das mudas evita disseminação. Agropecuária Catarinense, Florianópolis, v.1, n.1, p.10-11, 1988.

DOORENBOS, J.; KASSAM, A.H. Yield response to water. Rome: FAO, 1979. 193p. (FAO: Irrigation and Drainage Paper, 33).

EMBRAPA MEIO AMBIENTE Como reduzir o uso de agrotóxicos em videira. www.cnpma.embrapa.br. Junho, 2004.

FRIEDRICH, T. Qualidade em tecnologia de aplicação. In: III SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE TECNOLOGIA DE APLICAÇÃO DE AGROTÓXICOS, 2004, Botucatu. Palestras. 2004. p. 94-109.

GALLO, D.; NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R. P. L.; BATISTA, G. C.; BERTI FILHO, E.; PARRA, J. R. P.; ZUCCHI, R. A.; ALVES, S. B.; VENDRAMIN, J. D.; MARCHINI, L. C.; LOPES, J. R. S.; OMOTO, C. Entomologia agrícola. Piracicaba: FEALQ, 2002. 920 p.

GALLO, D.; NAKANO, O.; WIENDEL, F.M.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R.P.L; BATISTA, G.C.de; BERTI FILHO, E.; PARA, J.R.P.; ZUCCHI, R.A.; ALVES, S.B.; VENDRAMIN, J.D. Manual de entomologia agrícola. São Paulo: Agronômica Ceres, 1988. 649 p.

GALLOTTI, G.J.M. Causas do declínio da videira. Agropecuária Catarinense, Florianópolis, v.2, n.4, p.19-21, 1989.

GOBBATO, C. Manual do vitivinicultor brasileiro. 4. ed.,1940. v.1.

GONZALEZ, R.H. Manejo de pragas de la vid. Santiago: Universidad de Chile, 1983. 115p.

HAJI, F. N. P.; ALENCAR, J. A. Pragas da videira e alternativas de controle. In: A viticultura no semi-árido brasileiro. Petrolina: Embrapa Semi-Árido, 2000. p. 273-291.

HICKEL, E.R. Pragas da videira e seu controle no Estado de Santa Catarina. Florianópolis: EPAGRI, 1996. 52p. (EPAGRI. Boletim Técnico, 77).

HICKEL, E.R.; SCHUCK, E. Vespas e abelhas atacando uva no Alto Vale do Rio do Peixe. Agropecuária Catarinense, Florianópolis, v.8, n.1, 38-40, 1995.

KOGAN, M.; PÉREZ JONES, A. Herbicidas - Fundamentos fisiológicos y bioquimicos del modo de acción. Ediciones Universidad Católica de Chile, 2003. 331 p.

KUHUN, G.B.; LOVATEL, J.L.; PREZOTTO, O.P.; RIVALDO, O.F. MANDELLI, F.; SÔNEGO, O.R. O cultivo da videira: informações básicas. 2.ed. Bento Gonçalves: EMBRAPA-CNPUV, 1996. 60p. (EMBRAPA-CNPUV. Circular Técnica, 10).

LOURENÇÃO, A.L.; MARTINS, F.P.; NAVIA, D. Insetos e ácaros da videira. p.616-633. In: POMMER, C.V. (ed.). Uva: tecnologia de produção, pós-colheita, mercado. Porto Alegre: Cinco Continentes, 2003. 778p.

MANUAL DE SEGURANÇA E QUALIDADE PARA A CULTURA DA UVA DE MESA. Brasília, DF: CampoPAS, 2004. 51p. (Série qualidade e segurança dos alimentos).

MATOS, C.S.; SCHUCK, E. Controle de pragas na videira. Agropecuária Catarinense, Florianópolis, v.1, n.2, p.12-14, 1988.

MATTHEWS, G.A. Pesticide application methods. 2.ed. London: Longman, 1992. 405p.

MATTHEWS, G. A. Pesticide application methods. Ed. Longman, London. 1979. 334p.

MATUO, T. Fundamentos da tecnologia de aplicação de agrotóxicos. In: TECNOLOGIA E SEGURANÇA NA APLICAÇÃO DE AGROTÓXICOS: NOVAS TECNOLOGIAS, 2, 1998. Santa Maria: Departamento de Defesa Fitossanitária; Sociedade de Agronomia de Santa Maria, 1998. p. 95-1.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. Agrofit. www.agricultura.gov.br. Outubro, 2005.

NACHTIGAL, J.C.; CAMARGO, U.A.; CONCEIÇÃO, M.A.F. Sistemas de produção de uvas sem sementes: cultivares BRS Morena, BRS Clara e BRS Linda. Bento Gonçalves, RS. 90p. (Sistemas de Produção, 1).

OZKAN, H. E. Reduzindo a Deriva nas Pulverizações. Boletim 816-00 - Departamento de Alimentação, Agricultura e Engenharia Biológica. Universidade de Ohio - USA . http://www.e-sprinkle.com.br/br/includes/downloads/Artigos/Como_ Reduzir_a_ Deriva.doc. Acessado em 25/10/2005

PALLADINI, L. A.; SOUZA, R. T. Deposição em folhas de macieira com diferentes volumes de calda. In: III SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE TECNOLOGIA DE APLICAÇÃO DE AGROTÓXICOS, 2004, Botucatu. Anais. 2004. p. 100-103.

PALLADINI, L. A.; SOUZA, R. T. Deposição obtida nas pulverizações de macieira com diferentes volumes de calda e temperaturas. In: XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE FRUTICULTURA, 2004, Florianópolis. Anais do XVIII Congresso Brasileiro de Fruticultura. Florianópolis. 2004.

PALLADINI, L.A.; KRUEGER, R. Tecnologia de aplicação de agrotóxicos pra pomares de pêssego. In:Monteiro, et al. (ed) Fruteiras de Caroço:Uma visão ecológica. Curitiba, UFPr, 2004, p.299-316.

PEREIRA, A.R.; ANGELOCCI, L.R.; SENTELHAS, P.C. Agrometeorologia: fundamentos e aplicações práticas. Guaíba: Agropecuária, 2002. 478p.

PROGRAMA BRASILEIRO PARA A MODERNIZAÇÃO DA HORTICULTURA - Regulamento Técnico de Identidade e de Qualidade para a Classificação da Uva Fina de Mesa. Centro de Qualidade em Horticultura - CQH / CEAGESP. Disponível em: . Acesso em: 03 out. 2005.

RAMOS, H. H.; MAZIERO, J. V. G.; YANAI, K.; CORRÊA, M.; SEVERINO, F. J.; KANNO, O. Y.; , MARTINS, P. S.; MURA, C.; MORGANO, M.A. Exposição dérmica do aplicador de agrotóxicos na cultura da uva, com diferentes pulverizadores. R. Bras. Eng. Agríc. Ambiental, Campina Grande, v.6, n.1, p.175-179, 2002.

REIS, P.R.; MELO, L.A.S. Pragas da videira. Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v.10, n.117, p.68-72, 1984.

REIS, P.R.; SOUZA, J.C. de; GONÇALVES, N.P. Pragas da videira tropical. Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v.19, n.194, p.92-95, 1998.

RIBEIRO, I.J.A. Doenças causadas por fungos e bactérias na cultura da videira. In: BOLIANI, A.C.; CORRÊA, L.S. (eds.) Simpósio Brasileiro de Uvas de Mesa. Ilha Solteira: UNESP, 2001. p.237-263.

RIBEIRO, I.J.A. Doenças. In: POMMER, C.V. (ed.) Uva: tecnologia de produção, pós-colheita, mercado Porto Alegre: Cinco Continentes, 2003. p.525-568.

SALLES, L.A.B. Bioecologia e controle da mosca-da-fruta sul-americana. Pelotas: EMBRAPA-CPACT, 1995. 58 p.

SAMANI, Z. Estimating solar radiation and evapotranspiration using minimum climatological data. Journal of Irrigation and Drainage Engineering, Reston, v.126, n.4, p.265-267, 2000.

SANTOS, H.P. Fruteiras de clima temperado em cultivo protegido: desafios e perspectivas em videira e macieira. In. 1° Seminário de Pesquisa sobre Fruteiras de Clima Temperado. Programa e Resumos. Bento Gonçalves, RS. Embrapa Uva e Vinho. Documentos 52, p. 37-44. 2005.

SCHUCK, E.; ANDRADE, R.; GALLOTTI, G.J.M.; DAL BÓ, M.A. Novas alternativas na busca de soluções para o controle do declínio da videira. Agropecuária Catarinense, Florianópolis, v.6, n.4, p.48-50, 1993.

SCHWARTZ, A. Fruit fly and control measures on table grapes. Deciduous Fruit Grower, v.43, n.3, p.109-111, 1993.

SÔNEGO, O.R.; GARRIDO, L.R.; BOTTON, M.; SORIA, S.J.; HICKEL, E.R. Recomendações para o manejo das doenças fúngicas e das pragas da videira.

Bento Gonçalves: EMBRAPA-CNPUV, 2002 12p. ((EMBRAPA-CNPUV. Circular Técnica, 39).

SORIA, S. de J. A mosca-da-fruta e seu controle. Bento Gonçalves: EMBRAPA-CNPUV, 1985. 3p. (EMBRAPA-CNPUV. Comunicado Técnico, 3).

SORIA, S. de J.; DAL CONTE, A.F. Bioecologia e controle das pragas da videira no Brasil. Entomologia y Vectores, v.7, n.1, p.73-102, 2000.

SORIA, S.de J.; GALLOTTI, B.J. O margarodes da videira Eurhizococcus brasiliensis (Homoptera: Margarodidae): biologia, ecologia e controle no Sul do Brasil. Bento Gonçalves: EMBRAPA-CNPUV, 1986. 22p. (EMBRAPA-CNPUV. Circular Técnica, 13).

TAVARES, S.C.C.H.; CRUZ, S.C. Doenças. In: LEÃO, P.C.S. (ed.) Uva de mesa produção - Aspectos Técnicos. Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, 2001. p.90-99.

TEIXEIRA, A.H. de C.; AZEVEDO, P.V. de. Zoneamento agroclimático para a videira européia no Estado de Pernambuco, Brasil. Revista Brasileira de Agrometeorologia, Santa Maria, v.4, n.1, p.139-145, 1996.

TESSMANN, D J; DIANESE, J C; GENTA, W; VIDA, J B; MAYDEMIO, L L. Grape rust (Phakopsora euvitis), a new disease for Brazil. Fitopatologia Brasileira, Brasília, v.29, n.3, p.338, 2004.

VIANELLO, R.L.; ALVES, A.D. Meteorologia básica e aplicações. Viçosa: UFV, 2004. 449p.

ZUCCHI, R.A. Mosca-das-frutas (Diptera: Tephritidae) no Brasil: taxonomia, distribuição geográfica e hospedeiros. In: ENCONTRO SOBRE MOSCA-DAS-FRUTAS, 1., 1988, Campinas, SP. Anais... Campinas: Fundação Cargill, 1988. p.1-10.

Topo
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610