Embrapa Embrapa Uva e Vinho
Sistema de Produção, 4
ISSN 1678-8761 Versão Eletrônica
Jul./2003

Uvas Viníferas para Processamento em Regiões de Clima Temperado

Jorge Tonietto
Francisco Mandelli

Início

Clima
Preparo do solo, calagem e adubação
Porta-enxertos e cultivares
Obtenção e preparo da muda
Sistema de condução
Poda
Doenças fúngicas e medidas de controle
Doenças causadas por vírus, bactérias e nematóides e medidas de controle
Pragas e medidas de controle
Normas gerais sobre o uso de agrotóxicos
Maturação e colheita
Indicações Geográficas para Vinhos Brasileiros
Custo e rentabilidade
Produção e mercado
Referências

Expediente
Autores
Clima

Tabela 1. Data média de brotação (Db), data média da colheita (Dc), número de dias e soma térmica média da brotação à colheita de 11 cultivares brancas e tintas destinadas à elaboração de vinhos finos na Serra Gaúcha, RS (dados fenológicos do Banco Ativo de Germoplasma da Uva e dados meteorológicos da Estação Agroclimática da Embrapa Uva e Vinho, Bento Gonçalves, RS).

Cultivar Branca Tinta Data média de brotação (Db) Data média de colheita (Dc) Número de dias médio da Db e Dc Soma Térmica média da Db à Dc (T. méd. - 10°C)
Gewürztraminer X   05.09 25.01 141 1.248
Pinot Noir   X 06.09 26.01 142 1.267
Chardonnay X   23.08 23.01 153 1.285
Gamay   X 09.09 04.02 148 1.381
Merlot   X 12.09 07.02 148 1.385
Riesling Itálico X   08.09 07.02 152 1.401
Tannat   X 06.09 12.02 159 1.462
Cabernet Sauvignon   X 19.09 24.02 159 1.543
Cabernet Franc   X 13.09 22.02 162 1.550
Moscato branco X   30.09 03.03 153 1.560
Trebbiano X   18.09 28.02 163 1.596


Tabela 2. Dados climáticos médios, índices bioclimáticos médios e respectivas coordenadas geográficas das 5 regiões produtoras de vinhos finos do Sul do Brasil: Serra Gaúcha, Serra do Sudeste e Campanha no Rio Grande do Sul, São Joaquim e Alto Vale do Rio do Peixe em Santa Catarina.

Coordenadas geográficas, dados climáticos, índices bioclimáticos e classificação pelo "Sistema CCM Geovitícola" Estado/Região Vitivinícola
Rio Grande do Sul Santa Catarina
Unidade de medida Serra Gaúcha Serra do Sudeste Campanha São Joaquim Alto Vale do Rio do Peixe
Coordenadas geográficas (referência para os dados climáticos)
Latitude Latitude S 29°10' 30°33' 30°53' 28° 18' 27°00'
Longitude Longitude W 51°32' 52°31' 55°32' 49°56' 51°09'
Altitude m 640 420 210 1.415 774
Dados climáticos            
Temperatura média do ar - média anual °C 17,2 16,4 17,8 13,4 17,1
Temperatura máxima do ar - média anual °C 22,9 21,7 24,3 18,9 24,2
Temperatura mínima do ar - média anual °C 12,9 12,0 12,3 9,4 11,6
Precipitação pluviométrica - total anual mm 1.736 1.419 1.388 1.622 1.810
Insolação - total anual h 2.255 2.416 2.371 1.748 2.156
Índices bioclimáticos (do período ativo de vegetação: 01.09 a 30.04)
Temperatura média do ar - média do período °C 19,1 18,3 20,3 15,0 19,2
Precipitação pluviométrica - total do período mm 1.146 919 937 1.113 1.225
Insolação - total do período h 1.653 1.765 1.786 1.223 1.532
Índice térmico eficaz - total do período graus-dia 2.200 2.050 2.500 1.200 2.200
Sistema CCM Geovitícola1
Índice heliotérmico de Huglin (IH) - Temperado quente Temperado quente Quente Frio Quente
Índice de frio noturno (IF) (Classe / Subclasse) °C De noites temperadas / C De noites temperadas / B De noites temperadas / B De noites frias De noites temperadas / B
Índice de seca (IS) mm Úmido Úmido Subúmido Úmido Úmido

1 - Índices climáticos vitícolas do Sistema de Classificação Climática Multicritério Geovitícola, classes do clima e intervalos de classe (Tonietto e Carbonneau, 2000):

IH - Muito frio (IH < 1500); Frio (>1500 IH < 1800); Temperado (>1800 IH < 2100); Temperado quente (>2100 IH < 2400); Quente (>2400 IH < 3000); Muito quente (>3000).
IF - De noites muito frias (IF < 12°C); De noites frias (>12°C IF < 14°C); De noites temperadas (>14°C IF < 18°C); De noites quentes (IF > 18°C); Subclasses do IF "De noites temperadas": A (14 a 15°C), B (15 a 16°C), C (16 a 17°C), D (17 a 18°).
IS - Úmido (IS >150mm); Subúmido (< 150mm IS > 50mm); De seca moderada ( < 50mm IS > -100mm); De seca forte (< -100mm IS > -200mm); De seca muito forte (IS < -200mm).


Figura 1
Fig. 1.Distribuição anual da temperatura do ar - média, máxima e mínima (ºC), precipitação pluviométrica (mm) e insolação (h) de regiões vitivinícolas produtoras de uvas para vinhos finos no estado do Rio Grande do Sul: Serra Gaúcha, Serra do Sudeste e Campanha. (Elaboração: Jorge Tonietto e Francisco Mandelli)


Figura 2
Fig. 2. Distribuição anual da temperatura do ar - média, máxima e mínima (ºC), precipitação pluviométrica (mm) e insolação (h) de regiões vitivinícolas produtoras de uvas para vinhos finos no estado de Santa Catarina: Alto Vale do Rio do Peixe e São Joaquim. (Elaboração: Jorge Tonietto e Francisco Mandelli)


Topo

Copyright © 2003, Embrapa